Notícias
Lucio Flavio é o artilheiro do time no BR

Enquanto a zaga se destacou durante o Campeonato Brasileiro, o ataque também fez muitos gols e o artilheiro da equipe na competição foi o meia Lucio Flavio, com nove gols. Na seqüência vem Wellington Paulista, com sete.

Nesse Brasileirão, a equipe de Ney Franco foi homogenia na hora de marcar gols e apenas os goleiros Renan e Castillo, dentre os titulares, não balançaram as redes.

Para o Maestro, essa marca é importante e inesperada, já que ele não é um atacante. Porém, é o batedor oficial de todas as bolas paradas.

“É claro que eu não imaginava ser artilheiro da equipe no Brasileiro, mas foi interessante para mim. Eu fiquei muito feliz e agradeço aos meus companheiros que me ajudaram muito”, afirmou o camisa 10.

E ele só não marcou mais vezes porque a trave não deixou. Na partida contra o Palmeiras, a bola parou nela por duas vezes, sendo uma em cobrança de escanteio. Por pouco a conta não foi fechada com um golaço olímpico, que Lucio lamentou não ter feito.

“Nunca fiz uma gol olímpico na minha carreira. Contra o Palmeiras eu vi o Marcos saindo para reclamar com a zaga e não havia ninguém na primeira trave, ai tentei olímpico. Faltou pouco e um gol no primeiro tempo teria nos deixado mais tranqüilo. O Time terminou o campeonato com dignidade. Demos o nosso melhor dentro de campo e conseguimos uma última vitória” disse.

Artilheiro do ano:

Enquanto Lucio Flavio foi o grande homem de gols do Botafogo durante o Brasilerão, quem mais marcou com a camisa do Glorioso em 2008 foi o atacante Wellington Paulista. No total, ele balançou as redes dos adversários 28 vezes. Já Lucio Flavio fez 24 gols.

Wellington Paulista chegou ao Botafogo no início de 2008 e logo de cara conseguiu a artilharia do Campeonato Carioca, com 14 gols. Na Copa do Brasil, ele foi quem mais marcou gols pelo Alvinegro, cinco vezes.

Wellington Paulista teve seu auge quando marcou quatro vezes na grande goleada de 7 a 0 sobre o Macaé, no Carioca. Além disso, ele marcou pelo menos um gol em todos os rivais cariocas durante o ano e no Brasileirão ele fez gol em todos os times de São Paulo.



Gabriel Branco